Sem título

“Foi um passarinho que me contou que não vale a pena desistir dos sonhos, nem esconder sentimentos. Que não é bom voar sozinho, e que todo mundo quer formar um ninho.
— E eu, concordo com o passarinho.”
“Talvez você se lembre de mim quando eu finalmente te esquecer”
“Eu não desapareci, você que me esqueceu. Eu te dei as chances, você as desperdiçou.”
“Vou cuidar de mim. De mim do meu coração e dessa minha mania de amar demais, de querer demais, de esperar demais.”
— (via simplismentepartedemim)